quarta-feira, 22 de junho de 2011

Sistema, PORRA!

Quer saber a qualidade do seu sistema? Ele tá fudido! Quer entender o quanto se é político – proporcionalize o quanto você tem mentido ultimamente... Sistema são, basicamente, duas frases:

“Para os amigos tudo, para os inimigos a lei!”

“Milícia é assim: você paga pra ela te defender dela mesma.”

Me explica, pra inicio de conversa, pra que lei? Lei é pra ter brecha, e brechas que são escolhidas por quem as escreveu para, mesmo que você grite ir contra ela, você estar nela – palmas advogados, vocês lutam contra o que vocês estudaram... Certo, certo, a única maneira de entender algo é ir afundo. Mas quanto afundo estamos dispostos a ir? Suficientemente pra ficar sempre por baixo? Não... Acho que a melhor maneira de entender algo é olhando de cima, todas as posições tomadas, todas as medidas adotadas: olhos de águia!

Sempre achei que ir contra um modelo é estar nele e mudar de dentro pra fora. De dentro pra fora é o caralho! Nada que você já está dentro pode ser mudado. Que tipo de hipocrisia é essa minha em que, eu tenho que me manter no sistema pra mudá-lo? Sistema bom é aquele que já foi apagado trocentas vezes e reinventado, começado do zero.

Vem aqui e me diz que tipo de sistema é esse que ser de esquerda é estar na direita? Dou toda razão a Chasin quando ele cita que não existe esquerda! Como você ousa levantar a voz mas não erguer o corpo, ME EXPLICA?! Que tipo de lei é essa que as brechas estão no pacote de deveres? DEMOCRACIA É O ESCAMBAL! Democracia quando a maioria tem que pedir autorização pra fazer alguma passeata de liberdade de expressão sem ser agredida? GRANDES MERDAS!

Ai vem neguinho me avisar que a Marcha anterior foi PISADA por conta da apologia as drogas. MAS É DEMOCRACIA PORRA! LIVRE ARBITRIO! Cadê toda aquela teologia que te puseram no poder de os homens escolhem seus caminhos?! CADÊ, PORRA?! LIBERDADE DE EXPRESSÃO: leu a primeira palavra? LIBERDADE NÃO PRECISA SER VOTADA EM PARLAMENTO!

Eu não sei como vocês se sentem quando alguém envolvido em um crime está no poder declarando minha segurança, não sei como se sentem quando alguém que não sabe ler está no poder assinando meus direitos e deveres, não sei como vocês se sentem quando algum ladrãozinho publico está no poder pra reivindicar que eu tenho direito a assistencialismos.

E ainda somos obrigados a votar. O que, trocar o seis por meia dúzia? Não, obrigada...

Vinham criticar o pobre do Lula, dizer que no governo dele tinha mensalão. Ai puseram a Dilma, que tem como Ministra de alguma palhaçada a Mirian, que estava envolvida num puta trambique na época que o Prefeito Celso Daniel foi morto, dentro de um carro blindado! Porra, meo, que tipo de raciocínio você me oferece? Que é melhor ser enganado e não saber?! É, quanto menos se sabe, menos risco você corre, mais feliz você é, até concordo. Pelo menos o coitado do Lula admitia, mesmo sem querer, para os MILHOES DE INFELIZES que seu governo foi um caixa dois do caralho – a sinceridade inesperada e indesejada me ganhou.

Quem nasceu cego, surdo e mudo bem sabe do que eu estou falando, pelo menos não tem opção de saber ou não. Nasci muito bem dotada dos meus sentidos, obrigada Senhor! Eu sei ler que a primeira mulher a ser presidente no Brasil teve um aumento no PIB e um corte fudido no orçamento, sendo 50 milhões de reais da educação. Eu sei escutar que a TV apóia essas trapaças, colocando como notícia principal um jogo de futebol e deixando pra segundo plano (se tiver espaço) as lutas que ocorrem pelo mundo e a grande massa é sub-julgada, é detida. EU APRENDI A FALAR SOBRE O QUE EU NÃO GOSTO! E eu não gosto de saber que tem gente passando fome e um filho da puta de prefeito gastando dinheiro pra caralho ALUGANDO PALHAÇOS! A gente que sorri pra ele já não é o suficiente???

Não suporto a idéia de todo uma raça humana (ou quase isso) dividir entre si grupos partidários para acabar com o poder. Como assim quer arrancar a burguesia do poder tornando-se uma ao chegar no topo?! COMO ASSIM MEU CAPITAL PARA CAMPANHAS COMUNISTAS NUNCA FORAM NEGADOS?

Já ouvi que o Brasil é um país socialista... O Brasil é um país a venda, isso sim. Um país decadente, deplorável, que já cogitou vender aquilo que nem produziu... Ou a Amazonia inteira nasceu em quatro anos de um governante muito legal que amaria voltar aos tempos indígenas? Ah, não acredito nisso se quer saber, mas pra quem acredita, vota ai em mim, a próxima plantação será de maconha e, em um ano, vai ter um exército de zumbi por ai: vote na brisa!

BABILONIA! Total Babilonia!! Porque se sem a legalização da maconha já é uma bagunça, imagina com essa porra legalizada... Quem fuma? Ah, vai continuar a fumar. E não tiro a razão: pra viver nessa zorra, em algum momento você tem que criar seu mundo, acredite, eu sei... A grande diferença é que o nosso valiosíssimo estado, daqui pra frente, ganhará com isso! Essa Babilonia renderá ainda mais lucros, agora expostos, na cara de pau que eles têm pra meter o pau no rabo da gente, mas não tem de abaixar e limpar a merda. Alias, pra limpar a merda tem os advogados financiados por traficantes – investimento a longo prazo. E depois ainda dizem que brasileiro tem preguiça de trabalhar...

Esses dias na TV mostraram uma reportagem que, na concepção de quem não tem o que fazer, é absurda: flanelinhas não cadastrados no SISTEMA. Ai vem jornalista, com a cara mais lavada do mundo, com uma expressão perplexa dizer que é um absurdo as pessoas terem chegado ao ponto de roubarem moedinhas dos carros que estacionam. Quer saber? Eu também vi a reportagem com uma expressão muito perplexa. Mas eu estava apavorada com o que será da gente daqui adiante. O povo vai linchar os flanelinhas, porra! Olhei bem pra fuça dos anunciantes da terrível notícia e pensei: ENTÃO DÁ DIGNIDADE PRA TODO MUNDO, CARALHO!

Não importo que me olhem com essas caras de desafeto, de encrenca – não mesmo. Desde que, claro, eu tenha tido condições de ter tudo o que eles têm e ter negado. Aliás, com essa vidinha de fetiche que eles levam, talvez realmente tivesse negado.

Essencial pra esse nosso sistema ter quem mande e em quem mandar. Então, já que é tão necessário, para de linchar o povo!! Já que é uma situação que define essa porra de capitalismo que a gente vive, pára de querer que eles se tornem como você.

Quando Hobbes afirma que todos os humanos são iguais de natureza, ai sim, eu concordo, em número, gênero e grau. Todos nascemos com vontade de ser GENTE! Dizer que a diferença está nos meios de chegar ao seu objetivo, eu também concordo. Só não concordo quando ele afirma que é vontade nossa estar onde estamos. Acha mesmo que eu gosto de estar numa favela, ouvir tiros ao longe e pensar que é do lado da minha casa? Não, a minha situação não foi definida por mim. O homem é o lobo do homem, cuidado!

Marx uma vez afirmou que se a essência correspondesse a ciência, a ciência seria nula. Pois bem, eu transfiro a palavra ciência por sistema. Se a essência correspondesse ao sistema, o sistema seria nulo.

Igualdade, liberdade e fraternidade: DESDE QUANDO EXISTE IGUALDADE NAQUILO QUE SE É LIVRE? Desde quando, por eu ter uma palheta de cores vou escolher necessariamente a mesma cor que você? DESDE QUANDO SER FRATERNO SIGNIFICA SER IDIOTA?

Democracia: acho tão bonito quando autoridades usam essa palavra. Aliás, a palavra ‘autoridade’ também é bastante poética. Mas com democracia temos a impressão de que abrange-se todo tipo de gente, como se gente tivesse tipo. Abrange todos e todos inclui todos, deixando nada de fora! Mas, como democracia é uma coisa democrática quando a minoria só é aceita até o ponto em que sua voz for apenas plano de fundo?! Essa concepção de ‘deixe que aquelas dez pessoas se reúnam e lutem contra a lei, isso é um país democrático’ me deixa enjoada, porque, enquanto essas dez pessoas não atingirem a hegemonia tudo bem, mas quando a gente gritar será o que? Desaforo? Malcriação? Mas, entendam-me: tudo o que eu sei, tudo o que me criou não passa de uma reprodução social desejada pelo estado, então, como eu sou malcriada?! O estado, meu governo é um aparato MAL CRIADO? Ah, eu não duvido... Ou criado bem demais, talvez esse seja o grande equívoco.

E esse sistema de coerção em cima do que me foi ensinado? Esse sistema injusto e impróprio para menores de 90 anos? Esse sistema que julga sem falar nem ouvir, que acha muito justo matar! Qual é, voltamos ao olho por olho, dente por dente? Porque o pão e circo está ficando ultrapassado, e ninguém vota no ultrapassado. Renovemos então com o que já foi inventado e extinto – tudo bem, já que o povo não lembra mesmo...

PORRA! Será que ninguém ainda viu que um país político é constituído sem política? Será que ninguém ainda reparou que, enquanto houver milícias e partidos haverá submissão e guerra?

“Juntos somos vários.

Unidos somos um!”

E tanto mais a declarar, que a minha voz quer berrar contra parede, e não mais escrever e te esperar, com essa capacidade medíocre, de ler o que eu escrevi. Agora, se você é um dos privilegiados que conseguiu ler, me diga se você entendeu. Se não, ótimo, você entendeu o texto. O problema será se você tiver terminado e dito ‘normal’, porque o normal quase nunca é certo. Lembre-se que o normal é hegemônico, e essa maioria é a voz calada do povo e não a voz de Deus.

20-06-2011

Um comentário:

  1. saudades tambem menina....quem sabe vamo comer alguma coisa rsrsrrscamarao com macarao...rsrsrrssaudades de vc se cuida ainda temos muito pra conversar pela frente

    ResponderExcluir