sábado, 30 de outubro de 2010

NADA pessoal

- se o mundo já caiu, BABY, só nos resta dançar sobre destroços.

Hoje pela manhã acordei com os pés dormentes da noite de ontem
e com a boca seca, e com o corpo cheio...
Queria ter escrito algo que valha pesar e pensar e dizer, ontem a noite.
Mas a euforia havia me tomado, e o sorriso que estampara no meu rosto maquiado não queria sumir.
Meu hálito amentolado, minhas costas suadas, meu samba que fazia feliz!
Ontem, o que me fez gozar foi a música, foram sorrisos que eu soltava sem nem ao menos perceber,
foram companhias que até então não conhecia, e passou a ser...
Ontem eu me desentoquei, dancei, dancei, dancei
Meus pés salientes formigaram e pediam socorro! Mas minha alma mexia, e eu não podia deixa-la na mão...
DANCEI, DANCEI, DANCEI!
Hoje pela manhã, a inspiração não é mais a mesma
Meus olhos se fecham, mas não de tesão, e sim de cansaso.
Mas a felicidade mútua e travessa ainda é visita, e logo mais dona da casa:
logo mais, dona da dona.
Mas hoje eu me consumo com uma cama até a noite...
E não é ressaca... Meus sentidos vieram a tona, e tudo o que começou de forma tímida, tornou-se inescrupulosa.
DANCEI, DANCEI, DANCEI
Para aqueles que sentem falta do meu corpo em brasa sempre que abre a roda,
EU ESTOU DE VOLTA!
Para aqueles que amavam me ver pelos cantos, eu apenas lamento não ter oferecido um café mais cedo...
Vamos, entre na minha mesma sintonia... SINTONIZE-SE CONSIGO E VENHA COMIGO.
Vamos, porque dentro dessa roda de samba moleque, de samba colado, de samba suado não existe problema... Então dance no centro da roda, sorria para quem te ignora, ENLOUQUEÇA ESSE SALÃO!
Faça-os perguntar porque você ainda sorri em meio ao terremoto. E MOSTRE PORQUE VOCÊ É BRASILEIRA..
Ah, a vida que a gente escolhe, a vida que a gente constroi, a vida que a gente vive.
E vive bem.. E DANÇA!
e canta e se entrega!
SE JOGAA!

"não posso ficar nem mais um minuto com você, sinto muito amor, mas não pode ser..."

Nenhum comentário:

Postar um comentário